Gravação a laser para metais: 3 coisas que você precisa saber

Introdução a gravação a laser para metais

1. O que é, para que é útil e como funciona

Definimos a gravação a laser como um método de impressão permanente em uma superfície, podendo ser mais superficial ou de baixo relevo.

Os métodos de marcação, no geral, são os responsáveis por um dos pilares da rastreabilidade, que é a identificação padronizada dos produtos. Além da utilidade no âmbito fabril, as gravações a laser podem ser utilizadas como ferramentas de relacionamento com o cliente final, como um meio de campo para que o cliente tenha acesso à informações sobre aquele determinado produto, e também para que possa ser utilizada como uma ferramenta de marketing. Assim, a empresa consegue, com mais agilidade, aplicar ofertas sazonais (exemplo: design para o Natal ou edição limitada) e oferecer brindes aos seus clientes.

Exemplo de gravação a laser em metal.
Exemplo de gravação a laser em metal.

No metal, a gravação a laser se torna um dos melhores métodos de identificação de peças por conta da sua versatilidade, precisão e durabilidade.

Atualmente, existem diversas tecnologias de gravação a laser, mas a mais indicada para as peças de metal é a tecnologia de fibra. Outro ponto que a coloca como top de linha é a vida útil extensa dessa tecnologia, se comparada ao mesmo parâmetro dos tipos cristal e gás. Esse é um ponto importante, pois garante uma baixa taxa de manutenção.

2. Os benefícios da gravação a laser para metais: precisão, durabilidade e versatilidade

  1. Precisão: tem a capacidade de imprimir em diferentes superfícies, diferentes distâncias e tipos de dispositivos, sempre com alta qualidade
  2. Durabilidade: é uma tecnologia que se mantém permanente mesmo em condições severas, mantendo a identidade do produto em toda sua vida útil
  3. Versatilidade: a gravadora a laser pode ser facilmente integrada a diversos tipos de produções, atendendo ao escopo do processo.

Fica como dica conferir este link para entender na prática como são feitas as soluções customizadas com gravadoras a laser.

Como já mencionamos, a gravação a laser é um dos métodos utilizados para cumprir com o principal pilar da rastreabilidade, e como a rastreabilidade está presente nos mais diversos ramos da indústria, a tecnologia de gravação não poderia ser diferente. Separamos alguns exemplos fabris onde a gravação a laser pode ser aplicada, mas ela também pode ser utilizada em aplicações varejistas, mais ligadas ao consumidor final, como no ramo de brindes, personalizações, serviços de gravação, etc.

Trouxemos este exemplo de gravação a laser em placas Mercosul, onde a tecnologia serviu para cumprir uma norma estabelecida pelo DETRAN e que é pertinente não só para as indústrias de veículos, mas sim para os consumidores finais. Outro caso onde é possível ofertar o serviço de gravação para clientes finais é para gravação a laser em materiais cirúrgicos odontológicos.

Além desses setores buscarem, com frequência, o serviço de identificação de peças, outros setores varejistas buscam a personalização de peças em baixo volume. Para um exemplo fabril, consideramos importante trazer um caso onde a gravação a laser em peças automotivas foi aplicada para atender uma normatização vigente da indústria automotiva.

3. Dicas para iniciar os processos de gravação a laser em metais: escolhendo o laser, identificando o metal e manutenção do equipamento

O primeiro passo para escolher a tecnologia de marcação é levantar os seus objetivos finais e os relacionar com o material que você tem como demanda. Pensando nisso, separamos dois cenários já com soluções.

Suponha que você precisa fazer a gravação de peças usinadas e seu volume diário de fabricação é baixo (não trabalha com uma linha de produção seriada). Neste caso, um equipamento de bancada e sem muitas automações já pode te atender. Vale alinhar as informações do seu processo com o consultor técnico para definir o melhor equipamento, levando em conta: quantidade de peças, tamanho da peça, área de marcação, profundidade da marcação e potência do equipamento.

Para o outro cenário, imagine que você trabalha em uma fábrica de autopeças e tem uma linha de produção muito rápida, em que precisa fazer uma marcação em todas as peças sem alterar o tempo de produção. Para isso, é necessário utilizar um equipamento que seja adequado para automação e integração à linha de produção. Além disso, esse é o tipo de projeto que costumamos chamar de “projeto a 4 mãos”, onde o escopo do projeto é criado em conjunto com o cliente e pela área de engenharia do fabricante do laser.

A PRO Marking se orgulha de ser especialista na implementação de projetos customizados, como este exemplo citado acima. Aliás, você pode conferir mais dos nossos trabalhos clicando neste link.

A PRO Marking é o lugar perfeito para encontrar a máquina de gravação a laser ideal para suas necessidades

Possuindo uma equipe de especialistas que conhecem as mais recentes tecnologias de gravação a laser, com experiência e expertise na área, podemos garantir que você obterá os melhores resultados para suas necessidades de gravação a laser.

A PRO Marking está preparada para atender suas dúvidas e com a solução ideal para sua produção, com profissionalismo e excelência.

Gostou e quer saber mais a respeito destes e outros insights acerca da indústria e de suas tecnologias? Não deixe de acompanhar a PRO Marking em nossas outras redes:

- LinkedIn

- Instagram

- Facebook

- YouTube

Veja mais

Laser do tipo fibra: conheça a tecnologia por trás das nossas máquinas de gravação a laser

SAIBA MAIS

Solda a laser: o guia completo para entender essa tecnologia

SAIBA MAIS

O 5G no Brasil

SAIBA MAIS

A importância da qualidade na empresa

SAIBA MAIS