Quais os segmentos que mais precisam da gravação industrial?

A gravação industrial está presente em mais segmentos do que é possível imaginar, afinal, ela desempenha um papel muito importante dentro da indústria, o que a torna indispensável para várias áreas diferentes.

Linha de produção de automóveis
Linha de produção de automóveis. Foto: Imagem de usertrmk/Freepik

A gravação industrial como uma ferramenta valiosa

A marcação é uma tecnologia versátil, que pode ser usada para diferentes propósitos, como personalização e proteção de algo, mas na maioria das vezes, ela é utilizada por setores da indústria que buscam garantir a rastreabilidade, autenticação, identificação e informações de qualidade.

Gravação de um QR Code com máquina a laser
QR Code sendo gravado com máquina de gravação a laser.

O primeiro exemplo que conseguimos pensar quando falamos sobre isso é o setor de máquinas, o que engloba várias possibilidades, como as fabricantes de maquinário agrícola e as fabricantes de veículos. Esse pensamento não está errado, mas a gravação industrial vai muito além desses segmentos.

Os segmentos que mais precisam dessa tecnologia

Apesar de muito necessária em diversos segmentos, existem alguns específicos que dependem completamente dela. Isso acontece pelo fato de que a gravação industrial é indispensável para as empresas otimizarem sua produção, seja melhorando a qualidade da identificação dos seus produtos ou, até mesmo, no aumento da lucratividade, uma vez que ter uma linha de produção bem controlada, com produtos devidamente identificados por um processo de marcação de qualidade, garante maior eficiência a longo prazo.

Confira quais são e as razões que fazem com que seja algo tão necessário:

Automotivo:

A gravação industrial é usada para marcar peças, componentes e chassis de veículos. Isso ajuda na rastreabilidade, identificação e autenticação de peças, além de cumprir regulamentações de segurança e qualidade.

Aeroespacial:

No segmento aeroespacial, ela é crucial para marcar peças de aeronaves, componentes de foguetes e satélites, mas aqui existe um fator ainda mais relevante. A gravação precisa ser da mais alta qualidade e durabilidade, afinal, as peças gravadas serão expostas a diferentes condições extremas.

Eletrônico:

Usada para marcar informações como códigos de série, datas de fabricação e logotipos em componentes eletrônicos, ajudando na identificação, rastreabilidade e, principalmente, no combate à falsificação. Nesse segmento é bem comum a utilização do método de gravação a laser, por ser uma tecnologia que garante precisão e qualidade extrema. Além disso, esse método é muito menos danoso para o material por conta da baixa emissão de calor, ao contrário de outros sistemas de gravação, o que é essencial para não danificar peças eletrônicas mais sensíveis.

Metalúrgico e Siderúrgico:

Trabalhador da indústria metalúrgica
Imagem de standret/Freepik

Na indústria de metais, a gravação é usada para marcação de peças, produtos laminados, tubos e outros materiais. Essas marcações são feitas para armazenar informações sobre especificações, grau do material e de rastreabilidade.

Médico e Farmacêutico:

Nesse segmento, ela é usada para marcar dispositivos médicos, equipamentos cirúrgicos e embalagens farmacêuticas. A gravação industrial é importantíssima para ajudar a garantir a autenticidade e a segurança dos produtos, pois permite que tudo seja completamente rastreado.

Jóias:

Sabia que a indústria de joias também utiliza a gravação industrial? Aqui, ela é usada para personalizar peças, adicionar logotipos da marca e informações de pureza dos metais preciosos. Essa pode ser uma ótima oportunidade para empreender utilizando a tecnologia de gravação a laser no mercado de personalizados, pois pequenos negócios também podem colher muitos benefícios disso.

Bens de consumo duráveis:

A marcação é usada em eletrodomésticos, ferramentas elétricas e produtos eletrônicos de consumo para identificação de modelo, número de série e outras informações relevantes. Aqui também o método mais comum é a gravação a laser

Químico:

No segmento químico, além de ser essencial para armazenar informações de segurança, a gravação é usada em recipientes, tambores e produtos químicos também para identificação de produtos, e códigos de lote.

Energia:

Importantíssima para a identificação de peças em usinas nucleares, em equipamentos de geração de energia renovável e em componentes de redes elétricas.

Embalagens:

No setor de produção de embalagens, a gravação é necessária para adicionar datas de validade, códigos de lote e outras informações sobre o produto.

Com isso é possível ter uma ideia da verdadeira importância que a gravação industrial representa para toda a indústria, principalmente para os segmentos listados aqui, por isso, se você tem uma empresa que atua em algum deles, não deixe de buscar a melhor opção para implementar no seu negócio.

A PRO Marking é especialista no assunto e conta com um time completamente preparado para te ajudar a encontrar a solução ideal para a sua empresa. Entre em contato e saiba mais!

Veja mais

Laser do tipo fibra: conheça a tecnologia por trás das nossas máquinas de gravação a laser

SAIBA MAIS

Solda a laser: o guia completo para entender essa tecnologia

SAIBA MAIS

O 5G no Brasil

SAIBA MAIS

A importância da qualidade na empresa

SAIBA MAIS