Máquina a laser para gravação: qual o tempo de retorno do investimento?

Atualmente, muita gente sonha em ser seu próprio chefe e ter seu próprio negócio. Dentre as muitas áreas de procura, a gravação a laser está entre as mais requisitadas por ter diversos espectros e atingir vários públicos.

O processo de gravação pode ser usado para diversos materiais, como plástico, mdf, acrílico, couro e vários outros. 

O melhor de tudo é que pode-se comercializar desde artigos para presentes até objetos para decoração e personalização de embalagens, o que revela seu amplo leque de possibilidades. 

Saiba mais sobre essa prática e o segmento!

Vale a pena investir em máquinas de gravação a laser?

Existem diferentes opções de máquinas de gravação a laser, dentre elas, modelos com jatos de água e o laser fibra.

Saber qual seria a melhor escolha depende de alguns fatores (como o tipo de negócio desejado e qual vai ter o melhor aproveitamento do rendimento da máquina). 

Vale lembrar que o investimento em si é uma grande parte do negócio, pois de certa forma é uma aposta e muitos novos empreendedores ficam em dúvida de quando irão recuperar o seu investimento.

O que considerar para comprar máquinas de gravação a laser?

Para se certificar se vale mesmo a pena, o ideal é analisar se o retorno do investimento se adequa aos seguintes fatores: 

  1. Tenha um diferencial

Criar um negócio que tenha sua cara é o diferencial. O mercado consumidor está sempre em busca de inovações, por isso, invista no diferente e no novo.

  1. Invista em um padrão de qualidade

Usar materiais de boa qualidade mesmo que sejam mais caros. A maioria das pessoas buscam produtos que tenham boa qualidade, mesmo que tenham preço mais elevado.

  1. Confie no poder do mundo digital

Investir em marketing e no uso das redes sociais para que possa atingir o maior público alvo possível. As redes sociais na atualidade são o maior veículo de venda por conta de anúncios e posts, e geram uma grande visibilidade aos produtos. 

  1. Defina seu público-alvo e produto principal

Definir em qual área você quer começar é a melhor coisa a se fazer. Apesar de várias opções parecerem interessantes, é sempre melhor focar em apenas uma ou duas áreas. Um exemplo bem assertivo é a área de objetos de decoração, sejam eles para eventos festivos (como aniversários e casamentos) ou para uso em lojas.

  1. Considere a venda de produtos personalizados com gravação a laser

Trabalhar com produtos personalizados pode gerar maior procura, principalmente em datas festivas, por ser algo único e exclusivo. 

  1. Aprenda tudo que puder sobre máquina de laser para gravação

Estude e entenda bem o funcionamento da máquina que é a peça principal do negócio, pois quanto maior o nível de produtividade da máquina, maior também será o índice de vendas. Por consequência, o faturamento tende a acompanhar esse crescimento. 

Leia também: dicas para considerar antes de comprar uma máquina de gravação a laser

O que mais você precisa saber sobre máquinas de gravação a laser?

Para saber do rendimento do investimento, o empreendedor também tem que estar consciente da despesa em relação à compra de materiais, possível manutenção da máquina e, é claro, o uso de energia para a produção. Considerando tudo isso e outros detalhes que não foram mencionados, entendemos que o retorno do investimento depende de vários fatores.

Para ajudar o empreendedor a entender melhor, existe o cálculo do payback (um termo em inglês que pode ser traduzido como “retorno”). É uma forma de cálculo que ajuda a prever quando haverá um retorno do investimento.

Basicamente, os cálculos são feitos por duas fórmulas distintas: o payback simples e o payback descontado.

O que é payback simples?

É dado pela divisão entre o valor total do investimento e o ganho no período (seja mensal ou anual). O valor resultante será o tempo de retorno do investimento.

Esse cálculo simples não leva em conta algumas variáveis do caixa da empresa.

O que é payback descontado?

A outra fórmula é o payback descontado, que leva em consideração a taxa mínima de atratividade (TMA), que é definida pela pessoa que faz a conta usando em consideração a taxa básica de juros, juntamente com valor presente líquido (VPL), usado para descobrir o fluxo de caixa. 

A fórmula se dá pelo fluxo de caixa (fc) / (1+ TMA)n= VPL

Esse “n” deve ter trocado pelo período do fluxo de caixa que está sendo utilizado, o valor resultante é utilizado em outra forma em que se divide o investimento inicial pelo VPL, gerando assim um resultado mais exato do tempo de retorno. 

(INFORMAÇÕES RETIRADAS DOS SITES https://nfe.io/blog/financeiro/como-calcular-payback/ e https://rockcontent.com/br/blog/payback-descontado/). 

Portanto, para uma empresa iniciante poder ter uma renda extra para pagar as parcelas, pode ser explorada a locação da máquina, pois um dia de aluguel da máquina a laser é em média R$ 2.500,00.

Alugando de duas a três vezes no mês, já será possível pagar a parcela da máquina. Alugar ela por algumas horas no mês também possibilita chegar a um valor equivalente, pois o aluguel por hora custa R$ 200,00.

Assim, o retorno do investimento pode ser em curto prazo levando em média quatro ou seis meses em vez de até 18, dependendo é claro do valor do investimento inicial e do valor arrecadado em venda de produtos e aluguéis.

Veja mais

Laser do tipo fibra: conheça a tecnologia por trás das nossas máquinas de gravação a laser

SAIBA MAIS

Solda a laser: o guia completo para entender essa tecnologia

SAIBA MAIS

O 5G no Brasil

SAIBA MAIS

A importância da qualidade na empresa

SAIBA MAIS