PRO Marking e o Programa PIPE

PRO Marking e o Programa PIPE

A PRO Marking está participando do Programa PIPE. Você já conhece?O Programa Fundação de Amparo à Pesquisa doEstado de São Paulo (FAPESP) tem a Pesquisa Inovativa em Pequenas Empresas (PIPE). Criado em 1997, foi desenvolvido para apoiar a execução de pesquisa cientifica e tecnológica em pequenas empresas localizadas no Estado de São Paulo. Durante esse tempo, o PIPE já apoiou 1.788 projetos de pesquisa de 1.100 pequenas empresas de base tecnológica situadas em 127 cidades no Estado de São Paulo. Para a pequena empresa participar precisa passar em alguns requisitos, a executadora do projeto precisa ter até no máximo 250 funcionários e deverá ser desenvolvido por alguém com vínculo trabalhista ou que esteja associado a ela para a sua realização. Deve realizar a pesquisa no território do Estado de São Paulo. A empresa deverá seguir o projeto em fases, após a aprovação da Fase 1 e a constituição formal da empresa a FAPESP emitirá um Termo de Outorga (TO).De acordo com a FAPESP, O PIPE tem como objetivos:

  • Apoiar a pesquisa em ciência e tecnologia como instrumento para promover a inovação tecnológica, promover o desenvolvimento empresarial e aumentar a competitividade das pequenas empresas.
  • Incrementar a contribuição da pesquisa para o desenvolvimento econômico e social.
  • Induzir o aumento do investimento privado em pesquisa tecnológica.
  • Possibilitar que as empresas se associem a pesquisadores do ambiente acadêmico em projetos de pesquisa visando à inovação tecnológica.
  • Contribuir para a formação de núcleos de desenvolvimento tecnológico nas empresas e para o emprego de pesquisadores no mercado de trabalho empresarial.

O programa funciona por de fases. A primeira (Fase 1) tem como duração prevista de até 9 meses e é destinada a realização de pesquisas sobre a viabilidade técnica do projeto que foi proposto. Durante a Fase 2 o tempo de duração pode durar até 2 anos e é o desenvolvimento da pesquisa aprovada na Fase 1. Por último, ocorre a Fase 3, onde é esperado que a empresa realize o desenvolvimento comercial e industrial baseado nos resultados das fases anteriores.A PRO Marking está na Fase 1 do seu projeto PIPE, com o objetivo de desenvolver um equipamento automatizado de solda plástica, utilizando um laser de diodo com feixe contínuo, e a técnica LTW (Laser Transmission Welding). Na etapa atual a tecnologia está sendo viabilizada, por meio de testes em amostras que comparam a qualidade e efetividade da tecnologia de laser fibra padrão com o laser de diodo.

Veja mais

Laser do tipo fibra: conheça a tecnologia por trás das nossas máquinas de gravação a laser

SAIBA MAIS

Solda a laser: o guia completo para entender essa tecnologia

SAIBA MAIS

O 5G no Brasil

SAIBA MAIS

A importância da qualidade na empresa

SAIBA MAIS